Os Tudor no Oscar

Desde o início do cinema, os atores têm retratado figuras históricas e trazendo-os para a vida nas tela. Dominar os maneirismos bem conhecidos e as características para o mundo real pode ser mais desafiador do que retratar um personagem fictício. Enormes quantidades de pesquisa são feitas e drásticas transformações físicas não são incomuns para os atores que querem retratar adequadamente o seu personagem no filme, e os artistas muitas vezes ganham um Oscar como recompensa. O site Biography fez uma seção de fotos comparando os atores ganhadores do Academy Awards com as pessoas que eles retrataram. Thomas More, Elizabeth I e Henrique VIII estão na lista:

oscar-1-laughton-henry-sized

Henrique VIII interpretado por Charles Laughton em The Private Life of Henry VIII (1933). O filme conta a relação do rei com cada uma de suas esposas. Com essa atuação, Laughton foi o primeiro ator britânico a ganhar o Oscar de Melhor Ator em um filme britânico.

oscar-6-scofield-more-sized

Sir Thomas More, interpretado por Paul Scofield em A Man for All Seasons (1966). Scotfield ganhou o Oscar de Melhor Ator pela sua atuação, mas não estava na cerimônia e a estatueta foi recebida pela sua colega de elenco, Wendy Hiller (que havia sido indicada para Melhor Atriz Coadjuvante por interpretar Alice More).

oscar-6-dench-elizabeth-i-sized

A rainha Elizabeth I, interpretada por Judi Dench em Shakespeare in Love (1998). Dench ganhou um Oscar por Melhor Atriz Coadjuvante com apenas oito minutos no filme. No mesmo ano, Cate Blanchett foi nomeada para Melhor Atriz por seu papel como Rainha Elizabeth I no filme Elizabeth, mas não ganhou o prêmio.

Lembrando que Gwyneth Paltrow ganhou o Oscar por Melhor Atriz em Shakespeare Apaixonado, mas como ela interpretou um personagem fictício, ela não entrou na lista. Geoffrey Rush também foi indicado por Melhor Ator Coadjuvante por interpretar Philip Henslowe, mas não ganhou o prêmio. Shakespeare Apaixonado também ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Original, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino e Melhor Trilha Sonora – Comédia / Musical. O filme Elizabeth ganhou apenas um Oscar, o de Melhor Maquiagem.  Já o filme ‘Anne of The Thousand Days‘ foi indicado a dez Academy Awards, mas só ganhou o de Melhor Figurino.

Anúncios

3 comentários sobre “Os Tudor no Oscar

  1. Realmente Cate Blanchett deveria ter ganho o Oscar de melhor atriz na interpretação de Elizabeth l “A Era de Ouro”, na minha opinião ela estava maravilhosamente impecável, como também no primeiro filme desta série como Elizabeth.

  2. Realmente o Oscar, as vezes, tem um lapso de “loucura”, o prêmio naquele ano era para ser de melhor filme, Shakespeare Apaixonado ter ganho de melhor longa é uma vergonha! Concorrendo com Elizabeth e A Vida é Bela.
    Gwyneth Paltrow nem merecia a estatueta interpretação fraca, concorrendo com Cate Blanchett e Merly Streep parece até ” programado” a decisão deles.

  3. Concordo com os demais, Cate Blanchett estavca soberba como Elizabeth, merecia a estatueta.
    E Charles Laughton estava identico ao verdadeiro! Mas hoje em dia a aparência fiel não é mais tão levada em conta; mas se a atuação for boa eu relevo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s