Margaret Beaufort, a mãe de Henrique VII e sogra de Elizabeth de York

Margaret Beaufort, por artista desconhecido, na segunda metade do século 16.Em 28 de janeiro de 1457 Margaret Beaufort deu à luz ao seu filho. Ela era jovem e pequena, e foi um trabalho de parto particularmente difícil. Por um tempo, temeu-se que a mãe e a criança fossem morrer, mas ambos sobreviveram e o bebê foi chamado de Henrique.

Embora Margaret fosse se casar mais duas vezes, ela não teria mais filhos, talvez como resultado de complicações após este nascimento. Seu segundo marido foi seu primo Henrique Stafford. Eles se casaram em 1462, e Margaret ficou viúva em 1471. Seu terceiro casamento foi com Thomas Stanley, em 1472.  Mais tarde, em seu casamento, Margaret decidiu que preferia viver sozinha. Em 1499, com a permissão de seu marido, ela deu um voto de castidade na presença do Bispo de Londres. Desse modo, Margaret se afastou de seu marido e vivia sozinha em Collyweston, onde era visitada regularmente por seu marido, que tinha quartos reservados na casa. 

Apesar de seus casamentos, foi seu filho o foco de suas atenções. Margaret e Elizabeth Woodville, viúva de Eduardo IV, decidiram que seus filhos se casariam. Este casamento uniria as reivindicações individuais ao trono inglês, com a filha de Elizabeth representando os Yorks e o filho de Margaret representando os Lancasters.

Em 18 de janeiro, Henrique seguiu o conselho se sua mãe e se casou com Elizabeth de York, em  Westminster. A influência sobre seu filho, no entanto, não foi eclipsado por sua nova esposa; Margaret continuou a ter uma influência considerável sobre o rei. Ele permitiu que sua mãe mantesse funcionários em seu nome e casos judiciais fossem delegados a ela. Ela gostava de independência jurídica e social, o que mulheres casadas não poderiam ter. Além de receber títulos, o primeiro parlamento de seu filho reconheceu seu direito de manter suas propriedades independente de seu marido, como se ela fosse solteira.

Margaret era uma sogra dominadora. Ela se ressentia pelas honras dadas para a Rainha e sua mãe. Elizabeth Woodville era uma rainha coroada, enquanto Margaret era apenas ‘Minha senhora, mãe do rei’.  Tecnicamente, na hierarquia real Margaret tinha menos status que sua nora, Elizabeth de York e Elizabeth Woodville, a mãe viúva da rainha. Casamento de Henrique VII e Elizabeth de York, por English School.Ela usava vestes da mesma qualidade das da rainha consorte e andava apenas meio passo atrás dela. Margaret assinava como ‘M. Richmond’ desde a década de 1460, mas em 1499 ela mudou sua assinatura para ‘Margaret R’, talvez para mostrar sua autoridade real (R significa Regina, que em latim quer dizer Rainha, sendo habitualmente empregada pelas monarcas mulheres).

Muitos historiadores acreditam que o banimento da Rainha Viúva por Henrique VII foi, em parte, a mando de sua mãe influente. Elizabeth foi forçada a retirar-se para Bermondsey Abbey, onde muitas senhoras nobres procuravam reclusão monástica para fins de saúde espiritual e corporal. Suas terras foram confiscadas e sua pensão reduzida. Elizabeth tinha solicitado um funeral rápido e silencioso, mas quando a rainha viúva morreu em 8 de Junho de 1492, os apoiantes Yorks ficaram horrorizados com a avareza da cerimônia e da procissão.

Em 1498, o embaixador espanhol observou que a mãe do rei estava entre aqueles com a maior influência na Inglaterra. Margaret foi junto do rei e da rainha no recebimento de privilégios espirituais de Roma.

Embora aposentada de sua vida política, Margaret concentrou-se na execução de normas para a família real. Ela estabeleceu regras para a gestão do viveiro real, o protocolo a ser seguido para o parto e os detalhes das roupas a serem usados pelos diferentes postos na corte em ocasiões de luto.

Margaret Beaufort, por artista desconhecidoO interesse de Margaret nos assuntos políticos continuou até sua morte. Em 1506, ela enviou a conta do encontro de Henrique VII com Filipe de Castela, quando ele e sua tropa foram empurrados para a costa inglesa por uma tempestade, para o rei espanhol.

Quando seu Henrique VII faleceu antes dela em 21 de abril de 1509, ele designou sua mãe como principal executora de seu testamento. Ela providenciou o funeral de seu filho e a coroação de seu neto. No funeral, Margaret teve precedência sobre todas as outras mulheres da família real.

No momento da coroação de Henrique VIII, uma casa foi alugada em Cheapside, onde Margaret assistiria o rei e a rainha saindo da Torre para Westminster para serem coroados. Ela foi nomeada regente de seu neto, Henrique VIII, mas sua passagem pelo poder foi breve. Henrique VIII completou 18 anos em 27 de junho e sua formidável avó morreu dois dias depois, aos 66 anos de idade. Ela foi enterrada na Abadia de Westminster, ao lado de seu filho e de sua nora.

Bibliografia:
Margaret Beaufort, Countess of Richmond and Derby‘. Acesso em 6 de junho de 2013.
Margaret Beaufort, Tudor Grande Dame‘. Acesso em 6 de junho de 2013.
Elizabeth Wydville Queen-Dowager‘. Acesso em 6 de junho de 2013.
Lady Margaret Beaufort‘. Acesso em 6 de junho de 2013.

Anúncios

5 comentários sobre “Margaret Beaufort, a mãe de Henrique VII e sogra de Elizabeth de York

  1. As mulheres…….. nao importa em qual tempo, sempre houveram as grandes lideres, quando se percorre a historia percebe-se a capacidade delas de conduzir. Especialmente Margaret Beaufort com a linhagem a qual pertencia, neta de Joao de Gante, bisneta de Eduardo iii, carregava nas veias o dom pela politica a sede por poder e a força para conduzir um reinado. Parece que ela sabia perfeitamente o que fazia, suas estrategias bem planejadas sao admiraveis, ja quando se casa pela segunda vez com Edmundo Tudor, e organiza o casamento de seu filho Enrique com Elizabeth de York……..uma verdadeira lider, nao negou o lugar ao qual foi colocada pela sua linhagem na historia, e foi assim que nasceu a dinastia Tudor.

  2. Uma pena que uma personalidade tao influente seja tao pouco conhecida. Belo artigo, e esperamos ver mais outros sobre ela aqui :)

  3. nossa Boullan! Que artigo bom sobre a Margaret, não sabia que ela havia sido regente do Henrique VIII, mesmo que brevemente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s