The White Queen – 2º Episódio

The White Queen 2

O segundo episódio começa com a feliz coroação de Elizabeth. Agora, rainha consorte de Eduardo IV, tudo que resta para fazer para assegurar o trono é ter um herdeiro. Elizabeth já está grávida quando é coroada rainha, e mais tarde ela dá a luz à uma menina. Ambos os pais não se preocupam, pois os filhos certamente virão em breve. A chique coroação é para silenciar os opositores, mas também para dar ao público uma oportunidade de celebrar o casamento ‘privado’ do rei.

O Conde de Warwick está cheio de vontade para livrar-se da ‘plebéia’ de Eduardo, principalmente depois de ser humilhado pelo rei. Sentindo-se traído e vendo Elizabeth e os Rivers como seus inimigos número um, ele faz pouco mais além de traçar seu caminho durante o episódio, ao tentar forçar Eduardo a assinar um tratado de paz com a França, deixando Carlos de Borgonha de lado, mas também tentando obter suas filhas Isabel (Eleanor Tomlinson) e Anne (Faye Marsay) casarem com o irmão de Eduardo, George (David Oakes) e Ricardo (Aneurin Barnard).

Assistimos também a forte e resistente Margaret Beaufort (Amanda Hale) que morreria feliz ao ver seu filho Henrique Tudor no trono. Sua personagem é particularmente trágica, obrigada por sua mãe a abandonar seu filho para ser criado por Jasper Tudor (Tom Mckay), forçada a se casar com Lord Stafford (Michael Maloney), ao invés de se casar com aquele que ela realmente amava: Jasper. No entanto, mesmo com todas essas decepções Margaret não desistirá e continuará lutando por Henrique. Amanda Hale faz um belo trabalho retratando tanta tragédia e crueldade de Margaret.

Depois temos Cecily (Caroline Goodall), a mãe do rei que planejava declará-lo bastardo e colocar George em seu lugar (que se casou com Isabel em segredo). Tudo acaba muito mal para Eduardo, pois Warwick e George levantam um exército contra ele. Eduardo é capturado, enquanto Elizabeth perde seu pai e irmão nas mãos de Warwick. Sentindo-se desolada e em busca de vingança, ele pede ajuda para a mãe em luto. Desse modo, ela amaldiçoa Warwick e George.

A partir desse episódio fica claro que The White Queen não planeja enrolar, pois somente este episódio abrange três anos. Há uma coroação, vários nascimentos e uma revolta no espaço de uma hora, e o ritmo é algo que está chamando uma atenção negativa sobre a série. Esse movimento rápido faz com que fique difícil de seguir a trama ainda mais complicada da série, de modo que a série nos lembra o nome e a posição social de cada pessoa a cada cinco minutos.  A necessidade de nos mostrar e identidade de cada personagem resulta em falas como ‘Olhe para minha pequena irmã Catarina e seu novo marido mal-humorado, o Duque’, ‘Ele é sobrinho do rei Henrique, na linha dos herdeiros Lancaster’, ou ‘Você pode passar o sal, por favor, piedosa Margaret Beaufort, herdeira da rosa de Lancaster, e crente fervorosa que seu jovem e distante filho Henrique Tudor é a escolha de Deus para ser rei?’.

Uma vez que nos ensinou como distinguir os Beaufort, Neville e Woodville, o roteiro de Emma Frost também têm de nos familiarizar com as ameaças enfrentadas por cada um, e sacrifica um diálogo natural para fazê-lo. As filhas de Warwick também provaram ser guias úteis, lembrando os telespectadores ‘Sim, mas o Rei deveria ter se casado com a Princesa francesa, como seu pai tinha arranjado.’

Do primeiro ao segundo episódio a BBC perdeu mais de 900.000 espectadores. Houve muitas críticas severas de que a série não era suficientemente precisa, o que não é nada surpreendente, considerando que foi baseada nos livros de Philippa Gregory. Veremos o que o terceiro episódio nos trará.

Fontes: Den of Geek, Entertainment Outlook e Tv Equals.

Anúncios

5 comentários sobre “The White Queen – 2º Episódio

  1. Teve repetição ali no texto “Elizabeth já está grávida quando é coroada rainha, e mais tarde ela dá a luz à uma menina. Ambos os pais não se preocupam, pois os filhos certamente virão em breve.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s