As rainhas inglesas e as pérolas de Hanover

hanover 2

A Rainha Elizabeth I tinha algumas das jóias mais cobiçadas da Europa, e as comprava a partir das jóias da Coroa da Escócia, de Portugal e de Navarra. Uma delas eram as Pérolas de Hanover, também conhecidas como Hanoverian Perls ou Pérolas Hanoverianas.

A história das pérolas começam com Maria de Médici, que as havia ganhado de presente de casamento de seu tio, o Papa Clemente VII. Ela as deu para seu filho, o Delfim da França, que as deu para sua esposa, Maria Stuart, Rainha da Escócia. Datadas do século 14, essas pérolas consistiam em seis correntes de pérolas (ou uma corrente, extremamente longa), com 25 pérolas do tamanho de pequenas nozes. Eram consideradas as mais belas pérolas da Europa.

As jóias de Maria Stuart tiveram que ser vendidas para compensar um rombo no tesouro, e Elizabeth as comprou por 12 mil coroas. Catarina de Médici, em uma tentativa de recuperar as pérolas, escreveu pedindo ajuda para o embaixador Espanhol na Inglaterra. Mas era tarde demais: Elizabeth já estava com as pérolas em mãos. Ainda existe uma outra versão da história, que conta que quando foi forçada a abdicar do trono, Lorde Moray (seu meio irmão e regente do seu filho) tomou suas pérolas junto de outras objetivos de valor. Catarina de Médici e Elizabeth I pouco fizeram para ajudar Maria – ambas queriam as pérolas e deram seus preços. Mas Elizabeth ganhou, e dois anos após a execução de Maria – em 1588 – Elizabeth usaria as pérolas no seu retrato da Armada.

as pérolas de hanoverUma vez que Maria Stuart e Elizabeth I tinham as pérolas, procurei retratos em que mostrassem ambas usando colares similares. Logo me deparei com esse retrato de Maria Stuart feito por volta de 1559. É necessária atenção pois outros quadros de Maria mostram essas pérolas como sendo negras, por causa da descoloração gradual que toda obra de arte sofre. No entanto, a imagem ao lado mostra as pérolas de Hanover, embora o tom rosado seja dado por causa de seu vestido. Como foi dito, conta-se que Elizabeth usou o colar no retrato da Armada (imagem acima) e de fato é possível contar seis correntes de pérolas. Mas eu acredito que seja mais provável que as pérolas tenham aparecido no seu Rainbow Portrait, em 1600, onde a semelhança com o colar é mais óbvia. Para que Elizabeth pudesse usar as pérolas e estas serem reconhecidas como as pérolas de Hanover, acredito que nenhuma alteração teria sido feita no colar.  No retrato da Armada não é possível ver nenhum “nó” de pérolas, enquanto esses são visíveis no retrato de Maria Stuart e no retrato Rainbow. Assim, podemos pensar que o colar com as pérolas de Hanover consiste em apenas uma longa corrente de pérolas, que era dividido em seis voltas em volta do pescoço; ou usado com uma ou duas voltas e um nó de pérolas.

perolas

A idéia de que as pérolas de Hanover sejam um colar só me deixam mais curiosa com esses dois retratos: o da esquerda é de Elizabeth, a Rainha da Bohêmia, feito por volta de 1623. Nele, acredita-se que ela esteja usando as pérolas de Hanover, também conhecidas como Pérolas Medici, mas ela teria juntado as seis correntes em uma corda grossa. Já neste retrato de Elizabeth, à direita, podemos ver que ela usa um colar com três nós de pérolas, similares ao retrato Rainbow, e ainda usa três longas correntes de pérolas.

Ao contrário da maioria das jóias lendárias da Coroa inglesa que foram destruídas, vendidas ou estão desaparecidas, as pérolas de Hanover foram passadas para James I, dele para Elizabeth, Rainha da Boêmia, e passada pela Casa de Hanover para as Jóias da Coroa da Inglaterra. Sabe-se que a Rainha Alexandra usou-as em sua coroação, e acredita-se que nesse retrato ela estivesse usando-as.

hanover

Não existem mais fotos de nenhum colar de seis correntes de pérolas, e acredita-se que ele tenha sido dividido e que duas correntes tenham ficado com a Rainha Elizabeth II.

Bibliografia:
MATLINS, Antoninette L. The Pearl Book: The Definitive Buying Guide : how to Select, Buy, Care for & Enjoy Pearls. Canada: GemStone Press, 2008.
Mary, Queen of Scots – The case of the Black Pearls. Acesso em 28 de Maio de 2015.
The Queen’s Two Strand Pearl Necklaces. Acesso em 28 de Maio de 2015.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s