A rainha viúva realmente estava envolvida com os avanços de Seymour em Elizabeth Tudor?

Muitas pessoas estranham porque Catarina Parr, uma mulher viúva três vezes, inteligente e religiosa, teria feito parte dos avanços que Thomas Seymour, seu marido, tinha feito com Elizabeth Tudor. Rasgar seu vestido em pedaços enquanto a Rainha segurava Elizabeth, visitar a jovem em seu quarto usando apenas uma camisa são apenas dois dos escândalos rodeando a jovem princesa e Seymour. Mas teria a Rainha realmente participado de tais eventos?

No dia de hoje, muitos podem tentar relativizar esses episódios: Elizabeth tinha então 14 anos. Pela mentalidade Tudor, já poderia estar casada e grávida. No entanto, mesmo as autoridades do período ficaram horrorizadas com esses incidentes: ela estava sobre a proteção deles. Acredita-se que Elizabeth pode, até certo ponto, ter desfrutado da atenção: ele era um homem bonito e brilhante. No entanto, enquanto era julgada por esses atos, Elizabeth certificou-se de dizer que estava completamente vestida em todas as vezes que ele entrou em seu quarto. Talvez o grande mistério seja por que Catarina Parr se juntava a essas brincadeiras: pessoa decente e profundamente religiosa, parecia tratar Elizabeth como sua própria filha – assim como todos os outros enteados e enteadas que ela tivera antes.

O testemunho e as declarações acusando Catarina de se juntar a Seymour vieram de Kat Ashley, governanta de Elizabeth, que foi ameaçada de ser torturada se não contasse sobre o relacionamento do casal. Parr havia morrido há vários meses quando Ashley foi presa na Torre de Londres: ela sabia que mulheres não eram poupadas de serem torturadas, e seus interrogadores estavam tentando implicar que Seymour havia tentado se casar com Elizabeth Tudor depois da morte de Catarina e sequestrar o príncipe Eduardo. Todos haviam se cansado de seus movimentos lunáticos por poder.

Sheya McAllister como Elizabeth e Kate Holderness como Catarina Parr em Elizabeth I (2017)

Em suas declarações, Kat Ashley disse que ficara preocupada com as visitas de Seymour, mas que ele continuava. Em duas ocasiões, Parr teria se juntado a ele em suas visitas matutinas, e feito cócegas em Elizabeth. No outro evento, quando Seymour cortou seu vestido ‘em cem pedaços’, Catarina ‘a segurava’. A natureza disso não é exata: ela teria segurado-a para protegêla? Participado de forma risível da brincadeira? Não sabemos. Mas de acordo com Kat, Catarina teria pedido a ela que observasse o comportamento de Elizabeth, e que ela acreditava que Parr observava os dois.

Quando Elizabeth conviveu com o casal, eles viviam em Chelsea Manor – uma mansão enorme com centenas de funcionários. Acredita-se que eles também tenham sido interrogados. Então por que não existe nenhum outro conto desses atos, dessas mesmas histórias? Ashley foi a única a falar das atitudes de Catarina Parr.

O questionário feito a Kat era parte de uma investigação sobre se Seymour havia tentado casar com Elizabeth sem o consentimento do Conselho. Caso Catarina tivesse de fato participado desses episódios, pode ser que ela tenha percebido isso como alguma brincadeira – mas enquanto Elizabeth amadurecia e a própria Catarina ficou grávida, pode ter achado que era algo mais preocupante.

Os depoimentos, é claro, são totalmente da perspectiva de Ashley: aqui, ela parece como a governanta preocupada, e a Rainha Viúva como vilã, ou pelo menos, como parte que consentia nesses eventos. Infelizmente, nunca poderemos ter certeza – mas precisamos sempre questionar as fontes e e possíveis outras perspectivas.

Bibliografia:
EVANS, Elinor. Did Thomas Seymour sexually abuse the teenage Princess Elizabeth?. Acesso em 21 de Julho de 2017.
COMBING, Beach. An English Queen and Child Abuse?. Acesso em 21 de Julho de 2017.
Katherine Parr: Why the Queen is implicated with Seymour and His misconduct with the Lady Elizabeth. Acesso em 21 de Julho de 2017.

Anúncios

4 comentários sobre “A rainha viúva realmente estava envolvida com os avanços de Seymour em Elizabeth Tudor?

  1. O que eu sempre achei estranho é o fato de que Elizabeth era filha do rei e depois da morte dele ela foi morar com Catarina que era a madrasta, sendo que essa madrasta se casou com um outro homem. Onde estava Maria? Porque elas não ficaram juntas? Porque Elizabeth não foi morar com algum parente do Rei, ou algum tutor, sei lá, até a Maria Bolena se caso ainda fosse viva. Nos dias de hoje isso seria visto de forma estranha, naquela época não foi?

    • Difícil responder. Tanto Elizabeth quanto Jane Grey conviveram muito com Catarina Parr por conta de ambas serem protestantes. Maria tinha quase que a idade de Parr e era católica, além de ter suas próprias terras e palácios, não precisava viver com uma ‘tutora’, por assim dizer, além de já ter completado sua educação formal há anos, diferentemente de Elizabeth e Jane Grey, que partilhavam alguns tutores que frequentavam a casa de Parr. Dificilmente Maria e Elizabeth morariam juntas, já que ambas só ficaram ‘amigas’ por assim dizer durante a infância de Elizabeth, assim que esta começou a crescer e se tornar foco de algumas facções protestantes, Maria já não ficava tão próxima assim dela – principalmente após a morte de Henrique. Além disso, parece que ‘oficialmente’ Catarina se tornou tutora dos filhos de Henrique VIII, e supostamente ela até deveria ter um papel de regência no governo, mas ela foi totalmente excluída pelos conselheiros do rei, que queriam o poder para si próprios.

  2. Catherine perr sostenía a elizabeth mientras su esposo le razgaba el vestido ?? Hasta donde yo se catherine entró una vez en el cuarto y sorprendió a su esposo parado frente a una elizabeth a medio vestir y hasta donde yo se catalina mando a elizabeth a vivir a otro lugar , dejaron de hablarse por un tiempo pero se reconciliaron pero elizabeth ya no vivió con ella

    • This too. But this one of holding her is spoken by several biographers. More specifically that I remember now was Antonia Fraser.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s